Papa excomunga Passos Coelho

O Papa foi aos arames quando soube, através do Facebook, que o Passos Coelho nos vai cortar metade do subsídio de Natal!

Quando estava a brincar com o seu iPad, Ratzinger foi alertado por uma mensagem que o alertava por este verdadeiro ataque à religião católica.

Bento 16 nem queria acreditar que um governo de coligação, do qual fazem parte democratas-cristãos, com destaque para o fervoroso católico Paulo Portas, pudesse cometer semelhante sacrilégio.

É certo que o Papa já tinha desconfiado do ateísmo de Passos Coelho, uma vez que é um homem divorciado, para além de ter sido casado com uma  mulher que pertenceu a uma girls band. Ele sabia que um homem destes não deveria ser grande seguidor dos Evangelhos…

Mas cortar metade do subsídio de Natal é uma heresia.

Como é que os bons cristãos podem, em Dezembro, fazer as suas doações à Santa Madre Igreja?

Então, o chefe da Igreja reuniu-se com aqueles senhores com aquelas coisas ridículas e cor-de-rosa na cabeça e decidiu excomungar o primeiro-ministro português.

“Excomungue-se!” – exclamou Bento 16.

Como a morte de Bin Laden pode contribuir para a santificação de João Paulo 2

Li hoje, no jornal, que só falta um milagre para João Paulo 2 passar de beato a santo.

Confesso que percebo pouco desta mecânica católica, mas o massacre das reportagens televisivas e das páginas dos jornais permitiram-me adquirir uma série de conhecimento inúteis sobre o modo como um beato se pode tornar santo.

E é assim: João Paulo curou a enfermeira francesa Marie Simon-Pierre, que sofria de doença de Parker. (passou a sofrer de doença de Scheaffer, mas isso agora não vem para o caso…)

Por esse motivo, foi-lhe concedida a condição de beato.

Agora, para que o Papa polaco possa tornar-se santo, é preciso que lhe seja atribuído outro milagre.

Está-se mesmo a ver que a morte de Bin Laden vem a calhar.

Há dez anos que os States andavam a trás do barbudo e nada. Acabaram por descobri-lo a uma hora de carro de Islamabad.

É ou não é um milagre?

Basta que Ratzinger faça um telefonema a Barak Obama e lhe proponha um negócio irrecusável: Bento 16, que tem uma relação especial com God, garante que Obama é reeleito presidente se os States declararem que a morte de Bin Laden foi o segundo milagre de João Paulo 2.

Ficam todos contentes: Obama volta a ser presidente, João Paulo torna-se santo e Bin Laden, mártir, vai juntar-se às cinquenta virgens, mesmo junto ao Grande Profeta.

PS РOs americanos dizem que o corpo de Bin Laden foi atirado ao mar, seguindo as regras mṳulmanas, isto ̩, os tubar̵es que estra̤alharem o corpo do homem, estavam com a cabe̤a virada para Meca.

Pede desculpa, Bento!

Todos os jornais hoje rejubilam: o Papa aprova o preservativo!

Aleluia!

Numa entrevista que será publicada na próxima terça-feira, Bento 16 diz: «num ou noutro caso, embora seja utilizado para diminuir o risco de contágio, o preservativo pode ser um primeiro passo na direcção de uma sexualidade vivida de outro modo, mais humana».

E só agora é que descobriste isso, pá?

Quer dizer, desde 1981 que se sabe que o HIV é transmitido através dos contactos sexuais e que o preservativo pode ser uma das maneiras de reduzir o perigo de contágio e tu só o admites 30 anos depois?!

Tarde piaste!

Não tens desculpa!

Vais para o inferno, Bentinho!

Mandemos o Ortiga às urtigas!

A Conferência Episcopal reuniu-se em Fátima e, no final, produziu um documento.

Foi o seu presidente, o bispo D. Jorge Ortiga que o leu publicamente, tendo o descaramento de dizer coisas como:

«A comunidade humana não pode pactuar com a teoria dos consensos políticos mínimos que geralmente não resultam em soluções sustentadas».

Mas o que raio quer o Ortiga dizer com isto? Que a malta deve rejeitar o acordo PS-PSD para o Orçamento? Ou que não devemos pactuar com o pedido esfarrapado de desculpas que o Papa fez aos católicos norte-americanos e irlandeses pelos padrecas andarem a comer os meninos e as meninas dos orfanatos?

E o Ortiga acrescentou:

«O sentido de responsabilidade pública e de participação na vida democrática exigirá líderes com propostas novas e sérias que visem promover a equidade e a coesão da sociedade portuguesa».

Será que os bispos estão a sugerir que alguém derrube o Governo e instale, quem sabe, uma ditadura salazarenta, tão do agrado da igreja católica, que tão bem com ela conviveu durante décadas, com o Cerejeira e outros bajulando o Salazar e o Tomaz e o Caetano e o catano?!…

E o discurso prossegue neste tom, metendo-se onde não é chamado, dando bitaites sobre política, como se precisássemos de mais comentadores! Mas esta frase tira-me do sério:

«Sem o testemunho e os exemplos das lideranças, como poderá exigir-se sacrifícios às pessoas?»

Tal e qual, Ortiga – vê-te ao espelho e talvez possas anunciar a renúncia das altas hierarquias católicas ao fausto e às honrarias!

Nota: isto saiu sério demais, mas este Ortiga deu-me azia, carago!

Venham a nós as criancinhas


O Papa está a visitar o Reino Unido.

Esta manhã,  ao ligar a tv, em vez de ver o telejornal da RTP-1, deparei com uma imagem aérea de um estrada, onde se via uma fileira de carros. Era o Papa e respectiva comitiva que ia não-sei-para-onde, dizer uma missa, em Inglaterra. As imagens eram captadas de helicóptero e a estação de televisão oficial da nossa república laica estava a transmitir, em directo, a viagem do líder de uma das muitas religiões existente à face da Terra.

(respirar fundo para não mandar estes gajos todos à merda!)

Pois não é que o Papa, aquele velhinho com ar de quem foi sacana a vida toda, está a pedir perdão a todas as vítimas dos pedófilos da igreja católica?!

São centenas, milhares de vítimas que, ao longo dos anos, foram apalpados, beijados, lambidos, acariciados, violados por tipos vestidos de batina, que apregoavam a palavra do deus católico, o deus que perdoa, o deus que dá a outra face.

Mas o Papa pede perdão, e a coisa é transmitida de tal modo que parece que as vítimas é que são os culpados e que os abusadores, coitados, são fracos, que cederam à tentação e que tiveram que rezar 30 avé-marias e 30 pais-nossos para conseguir a absolvição.

Reflexão divertida: o Papa vai encontrar-se, no Inferno, com o Carlos Silvino e com alguns (ou todos) os restantes acusados da Casa Pia, dependendo do resultado dos recursos…

Trabalho infantil

Segundo o DN de ontem, “crianças da catequese dos Jerónimos e das escolas desta zona de Lisboa, ofereceram ontem a Bento XVI pequenas rosas que simbolizavam «a maratona de orações pela pessoa e intenções» do Papa. os mais novos rezaram um total de 830 mil avé-marias”.

Isto é trabalho infantil, por amor de Deus (ou por amor do Papa, o que vai ao mesmo, não é?)!

Pôr um número indeterminado de criancinhas a rezar avé-marias de enfiada, uma após outra, é quase tão violento como coser bolas de futebol ou ténis Nike, como fazem os miúdos no Bangla Desh.

E quem contou as avé-marias, para saber que foram 830 mil? E por que raio foram 830 mil e não 765 322?

Tudo isto está para lá de patético!…

Já estou de papa cheio!

Ele ainda só chegou ontem e já não posso ouvir falar mais dele!

Do Papa, evidentemente.

O Papa com Cavaco, o Papa com António Costa, o Papa com o Sócrates, o Papa com o Nuno Gomes (não manches a camisola, Ratz!), o Papa com o Cardeal Patriarca, o Papa com os jornalistas, o Papa com aqueles jovens virgens que lhe cantaram uma serenata, o Papa no papamóvel, o Papa à varanda, o Papa a acenar, o Papa a discursar, o Papa a cantarolar na missa, o Papa a pedir desculpa pelos pecados da igreja, o Papa a exibir o seu anel de ouro, o papa com o Tejo ao fundo, o Papa a caminho de Fátima!

Chega de Papa!

Depois, não me venham dizer que Portugal é uma república laica!

Laica era a cadela russa que morreu no espaço!

Fotos de Steven Governo/Global Imagens e Armando Franca/AP

Da Islândia, com enxofre

A Islândia continua a lixar o resto da Europa.

Não bastava ter ido à bancarrota e ter realizado um incrível referendo, em que decidiu que não pagava o que deve aos bancos europeus – agora, tem um vulcão em erupção, cujas cinzas poluem os céus da Europa, impedindo os aviões de voarem.

Há três dias que os aeroportos de toda a Europa, com excepção de Portugal, Espanha, Itália e… Islândia, estão encerrados e milhões de passageiros não puderam seguir viagem.

Cavaco Silva foi também apanhado. Em visita à República Checa, está lá ainda, quando já devia ter regressado.

Sugestão: que venha a pé até Fátima.

Sempre faz exercício físico e, se estugar o passo, ainda chega a tempo de ver o Papa.

Papa site

O Papa Ratzinger tem um site na net. Aqui.

Perdão! Esse era o site visitado pelos padres e freiras abusadores, das instituições irlandesas, para se inspirarem nas suas actividades diárias.

Quem quiser saber tudo sobre o Papa e o seu clube de amigos, basta clicar em www.pope2you.net.

Se procurarem bem, talvez encontrem um pedido de desculpas pelas crianças abusadas sexualmente por padres católicos um pouco por todo o mundo. Eu não encontrei.

Claro que deus não existe.

Se existisse, o Papa e seus acólitos há muito que estariam no Inferno…

E, a propósito: o diabo não terá, também, um site?

Claro que tem: é aqui.