Minha alegre casinha


A meio caminho entre o Cais do Sodré e o Cais da Colunas, lá está mais um mamarracho urbano: uma grande argola de aço (?) e, por trás dela, uma espécie de cubo formado por seis filas de barras sobrepostas.

Agora, a falta de graciosidade do mamarracho está ainda mais à vista, graças às obras de saneamento que decorrem na avenida Ribeira das Naus e que transformaram aquele local num misto de parque de estacionamento selvagem, lixeira e praia inesperada.

Pois foi em frente ao tal cubo horrível que alguns sem abrigo decidiram procurar abrigo. Uns oleados, umas estacas de madeira, uns caixotes de banana Bonita e aí temos um excelente apartamento, com vista para o Tejo.

E a foto mostra um dos residentes, sentadinho, deixando-se acariciar por este glorioso sol de uma nova primavera.

Tags: , ,

Leave a Reply