Vamos excomungar o Papa!

O Papa Ratzinger XVI é um humorista.

A bordo do avião que o levava aos Camarões, o Papa disse aos jornalistas que a distribuição de preservativos não é a resposta adequada para se ajudar a África a combater a sida. “Pelo contrário” – acrescentou – “isso só irá complicar a situação”.

Como é que o uso da camisinha nas relações sexuais pode complicar ainda mais a situação da sida em África?

Como se sabe, a África subsariana é a zona do mundo com mais casos de sida. São cerca de 22,5 milhões de pessoas infectadas. Essa região contribui para 76% do total de mortes por sida.

Mas usar a camisa de vénus, na óptica do Papa, não é a solução.

Ele advoga a abstinência sexual!

Estou mesmo a ver o jovem habitante de Yaundé, Makamula Ynhatama, a ser tentado pela bela Sinora Bembé, que lhe exibe dois espetados seios e um robusto traseiro e ele dizendo:

– A miúda tá maluca! Nós só vai foder depois do casamento! Foi o que aquele homem branco, que tem voz de falsete, disse! Antes do casamento, podes apanhar sida!

A existência deste Papa é a prova de que deus não existe!

4 thoughts on “Vamos excomungar o Papa!

  1. …ou o I de Imoralidade e Incoerência, o T de tacanhez ou A de amnésia (selectiva, claro) que caracterizam a igreja católica.

    O catolicismo e a biblia e as suas metáforas/histórias/etc. não são o problema. O problema é a igreja/padres/papa. Assim como acredito que o problema não esteja no Alcorão ou no islamismo mas sim nos seus representantes.

    Haverá coisa mais incoerente do que advogar um deus de amor e em seguida dizer que esse deus condena uma criança de nove anos que é violada, tal como condena quem use um preservativo para evitar contrair ou transmitir uma doença ou simplesmente para não trazer ao mundo mais uma criança que iria necessariamente morrer de fome? Haverá maior imoralidade?

    Se Deus existisse os padres não diriam tamanhas barbaridades e o papa não era excomungado simplesmente porque Ratzinger nunca teria chegado a papa. Teria sido excomungado muitos anos antes por excesso de intolerância, sentimento incompatível com qualquer religião ou deus que se preze.

  2. “Como se sabe, a África subsariana é a zona do mundo com mais casos de sida. São cerca de 22,5 milhões de pessoas infectadas. Essa região contribui para 76% do total de mortes por sida.”

    Não, não se sabe!

    A principal razão porque aparentemente há tanto doente de SIDA na África subsariana é porque o conceito de SIDA é diferente. Muito africano com SIDA se emigrasse para os Estados Unidos deixava de ter SIDA devido à mudança de conceitos.

    A SIDA é em grande parte uma doença estatística. Depende do conceito que depende do país e até da época.

  3. A Sida é uma doença infectocontagiosa cuja incidência depende do conceito. Eu sei o que tu queres dizer: ser portador não é o mesmo que ter a doença. Portanto, propões o quê? Que só os doentes usem preservativo?
    Não brinques com coisas sérias, pá!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.