Refundidos e mal pagos

Mas que raio de ideia te trespassou, Passos!

Queres refundar o quê?

Fundar, refundar, fundir, refundir, afundar, transfundir, tresandar, tresmalhar, transmitir, retransimitir, formar, reformar, reformular, reorganizar, enfaralhar, enfarinhar!

Se fosses mas era refundar a tua prima!

Que aconteceu?

Acordaste um dia de manhã e pensaste: tenho que refundar isto!

Foi um tique? Foi um traque? Foi um flic-flac?

Foi o Relvas, foi o Gaspar, qual deles te fez avançar com esta ideia espectacular de querer refundar?

Refundar o memorando? Quando?

Vai refundar o raio que te parta!

One thought on “Refundidos e mal pagos

  1. Estou tão farto deste Governo…. Não me tiram da cabeça que, este enterranço completo que estão a fazer ao País, tem como ojectivo uma coisa só, a destruição do nosso Estado Social (que sempre detestaram). Eles sabem que podiam seguir outras politicas, sem este massacre, que iriam segurar o País de uma melhor forma, mas se assim fosse não podiam colocar os suas ideologias em prática.

    Na mesma linha, não me tiram da cabeça que as previsões de recessão de apenas 1% no decorrer de 2013, está propositadamente errado no OE2013, pois o que querem é mais um pretexto para esmagar a classe média. Isto tal como o que está a acontecer na Segurança Social. A Segurança Social estava bem de saúde (pelos menos num prazo de 30 anos) até estas politicas terem sido colocadas em prática. Passado um ano, a Segurança Social está (segundo eles dizem) presa por arames e conseguiram o pretexto ideal para dizer que tem de ser draticamente reduzida, que “nós queremos mais do Estado do que aquilo que pagamos”.

    Fico desolado quando, passado somente 1 ano e meio de Governo, vejo tudo o que já nos foi retirado (não tão a mim – também -, mas especialmente aos mais desprotegidos e a quem mais precisa), e saber que estes “macacos” ainda têm pela frente (teoricamente) 2 anos e meio para continuar o seu massacre e retirar-nos tudo… Esgotaram-nos em impostos e agora atacam o outro lado da moeda, o Estado Social.

    E todo isto com um bode expiatório perfeito que os iliba de tudo: não somos nós é a Troika que o quer e, a culpa não é nossa é do Sócrates. O pior é que as pessoas acreditam nisto…. Quem me dera que ainda tivessemos um Sócrates, esse pelo menos tinha uma visão para o País e lutaria por ele, não contra ele, pois sem dúvida alguma tinha muito mais preocupação social que estes tipos. Ter-se-ia por exemplo juntado aos paises que estão a ser atacados e que se juntaram para se defender, coisa que actualmente o nosso Governo finge não ver.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.