Posts Tagged ‘bin laden’

Como a morte de Bin Laden pode contribuir para a santificação de João Paulo 2

Monday, May 2nd, 2011

Li hoje, no jornal, que só falta um milagre para João Paulo 2 passar de beato a santo.

Confesso que percebo pouco desta mecânica católica, mas o massacre das reportagens televisivas e das páginas dos jornais permitiram-me adquirir uma série de conhecimento inúteis sobre o modo como um beato se pode tornar santo.

E é assim: João Paulo curou a enfermeira francesa Marie Simon-Pierre, que sofria de doença de Parker. (passou a sofrer de doença de Scheaffer, mas isso agora não vem para o caso…)

Por esse motivo, foi-lhe concedida a condição de beato.

Agora, para que o Papa polaco possa tornar-se santo, é preciso que lhe seja atribuído outro milagre.

Está-se mesmo a ver que a morte de Bin Laden vem a calhar.

Há dez anos que os States andavam a trás do barbudo e nada. Acabaram por descobri-lo a uma hora de carro de Islamabad.

É ou não é um milagre?

Basta que Ratzinger faça um telefonema a Barak Obama e lhe proponha um negócio irrecusável: Bento 16, que tem uma relação especial com God, garante que Obama é reeleito presidente se os States declararem que a morte de Bin Laden foi o segundo milagre de João Paulo 2.

Ficam todos contentes: Obama volta a ser presidente, João Paulo torna-se santo e Bin Laden, mártir, vai juntar-se às cinquenta virgens, mesmo junto ao Grande Profeta.

PS – Os americanos dizem que o corpo de Bin Laden foi atirado ao mar, seguindo as regras muçulmanas, isto é, os tubarões que estraçalharem o corpo do homem, estavam com a cabeça virada para Meca.

Obama destrói Osama

Monday, May 2nd, 2011

Lá limparam o sebo ao terrorista-mor!

Mas há uma coisa que não percebo: transmitiram em directo o casamento real e a beatificação do Papa e não transmitiram em directo a morte do Obama porquê?

Espero bem que dêem em diferido…

Telegramas sortidos

Tuesday, December 14th, 2010

Esta história da Wikileaks, que já enjoa, vai enjoar durante muito tempo – mais tempo do que a história da falta de açúcar (quanto à falta de afecto, nem vale a pena falar…)

Com mais de 200 mil telegramas roubados, haverá pano para mangas e sempre que os jornais estiverem sem assunto, podem sempre ir ao sítio do Assange e arranjam, de certeza, um telegramazito para fazer a primeira página.

No fundo, isto tem uma vantagem: fala-se menos da dívida soberana, que era outra história que já cheirava mal (sabem a como está a taxa de juro agora? se tivesse ultrapassado os 7% sabiam…).

Agora, no meio daqueles telegramas todos, descobriram um sobre a pobre da Maddie. Que o embaixador britânico disse ao americano que a polícia inglesa tinha descoberto provas contra os pais da miúda.

E depois? Isto é alguma novidade?

Não é, mas é o suficiente para mais umas quantas primeiras páginas e reportagens de 20 minutos nos telejornais.

Bocejo…

Vão ver que ainda vão descobrir um telegrama com o nome da mãe do filho do Cristiano Ronaldo, outro com a morada actualizada do Bin Laden e ainda outro com a cura do cancro…

PS – Assange é um apelido com sonoridade francesa e “singe” é “macaco” em francês. Por outras palavras, o fundador da Wikileaks é um grande macaco!