dentada na língua

Que dizer desta parangona do jornal “Sem Mais”, de distribuição gratuita e que vem com o Expresso, aos sábados?

cresces.jpg

O pobre do secretário de Estado que consta da foto, é o mesmo que propôs que os reformados recebessem o magro aumento em suaves prestações mensais, o que ia dar cerca de 60 cêntimos por mês, se não me engano.

Claro que o pobre do homem não tem culpa que o ESTÚPIDO DO JORNALISTA NÃO SAIBA ESCREVER A PALAVRA “CRECHES”, PENSANDO QUE È UMA FORMA DO VERBO CRESCER!!!

BURRO!!!

One thought on “dentada na língua

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.