“The Hour” – 1ª temporada

As séries da BBC são conhecidas pela sua elevada qualidade e esta “The Hour” não foge à regra.

São 6 episódios, escritos por Abi Morgan e que contam a história do nascimento e do fim de um  programa noticioso da BBC, que se destacou no panorama da comunicação social nos finais dos anos 50 do século passado.

O apresentador do programa, Hector Madden, é casado com a filha de um dos directores da BBC e parece ter pouco talento como jornalista e só ter conseguido aquele lugar por ser casado com quem é. Dominic West faz bem o papel deste canastrão que, às tantas, parece mais preocupado em comer a produtora do programa. Já tinha visto este actor em The Wire, outra série excelente.

A produtora, Bel Rowley, é interpretada por Romola Garai, uma beldade que se adapta mesmo bem à beleza típica dos anos 50. Bel balança entre o amor físico com o canastrão e o amor platónico com o principal jornalista.

O tal jornalista, Freddie Lyon, é interpretado por Ben Whishaw, um lingrinhas com muita coragem física e muita lábia, um verdadeiro jornalista de investigação.

A acção é um misto de crónica de época, espionagem em tempos de guerra fria e mistério. Como pano de fundo, a invasão do canal do Suez pelo Egipto, presidido por Nasser, e a resposta tíbia do governo inglês, chefiado por Eden.

Vale a pena ver, quando a Fox Life decidir repeti-la.

Tags: , ,

One Response to ““The Hour” – 1ª temporada”

  1. Vespinha says:

    Excelente série, não apenas no argumento mas sobretudo na encenação dos anos 50.

Leave a Reply