O Partido Fuck Them

Estive uns dias de férias, passeando pela Beira interior e só agora arranjei tempo para actualizar o Coiso – e não podia deixar passar em branco mais uma grande tirada de Alberto “Fuck Them” Jardim que, pelos vistos, foi mais ou menos ignorada pela comunicação social.

Para quem estava desatento, recordo que a D. Manuela foi à Madeira, confraternizar com o Jardim que, em período eleitoral é sempre o maior do mundo, porque levou a Madeira aos píncaros do progresso e tal e coisa.

Claro que nunca é referido o facto de o Governo da Madeira ter um deficit astronómico, de tudo ser feito à custa da massa que vai do Continente, de ser difícil fazer parte da Oposição porque o Jardim e apaniguados dominam, numa espécie de ditadura democrática, que todos sabem existir, embora façam de conta que não. E, para cúmulo, o Jardim é capaz de insultar tudo e todos, e ninguém faz nada porque é o “estilo” da criatura.

Pois então, a D. Manuela foi à Madeira e fez-se transportar num carro do Estado. Ora se a D. Manuela ainda não é primeira-ministra (e esperemos que nunca o venha a ser), o que fazia ela num carro do Estado?

Os jornalistas foram perguntar ao Jardim e ele respondeu: “Fuck them!”

O Jardim disse, em relação aos jornalistas, “Que se fodam!”

D. Manuela Ferreira Leite: a senhora, que tem ar de ser uma pessoa polida e bem educada, é capaz, por exemplo, de mandar alguém levar no cu?

Dr. Aguiar Branco, o senhor, que tem uma pose de Estado, já alguma vez mandou alguém pró caralho?

Dr. Pacheco Pereira, o senhor que é tão entendido em tudo e, sobretudo, mesmo em tudo, tem por hábito dizer merda, porra, cagalhão?

Não acredito que o digam, que o façam, que sequer o pensem!

Como podem então permitir que um dos vossos mais destacados líderes, um homem que, na vossa opinião, representa um modelo de governo social-democrata, diga publicamente “Que se fodam!”?

Em qualquer país democrata e civilizado, tal dirigente político seria imediatamente afastado, ostracizado, expulso do partido.

Mas, D. Manuela, a senhora mesmo o diz: o PSD é um Partido da Verdade.

Por isso, que se foda!…

Tags: , , ,

4 Responses to “O Partido Fuck Them”

  1. a ponta do véu says:

    Deus o ouça, meu amigo, Deus o Ouça!

  2. antonio dias says:

    E anda agora a dona Manuela mais o seu amigo Portas a clamar contra os perigos dos ataques à liberdade, no continente claro, que na Madeira felizmente não existe esse risco.
    No continente um ministro foi demitido porque, presumivelmente, chamou corno ao presidente da bancada comunista.
    E toda a imprensa achou muito bem, uma das raras unanimidades.
    Na Madeira o presidente do governo regional chamou BANDIDO ao primeiro-ministro, e não me apercebi que os grandes defensores dos costumes e dos bons modos tivessem feito qualquer comentário.
    Nem a dona Manuela, nem o Pacheco, nem o Rangel, nem o Aguiar, e visto que era o titular de um cargo público, também não houvi nenhum comentário do snr. Silva.
    Depreendo então que é mais grave comentar a vida amorosa da senhora do Bernardino Soares, que reputar de BANDIDO o primeiro ministro de Portugal.
    Se não hovesse limitações ao exercicio da liberdade o que é que chamariam ao Sócrates?

  3. RICARDO BRITO says:

    Eu quero manifestar o meu desprezo pelo psd e quero desde já dizer que fuck them (psd)

Leave a Reply